O Trabalho Humano ao longo da história

>> 3ª etapa da Escola de Formação Básica Multiplicadora da Economia Popular Solidária <<

 

100_4685A partir de ferramentas usadas no dia a dia, apresentadas pelo público, iniciou-se a terceira etapa da Escolinha. Um martelo, uma peneira, um celular… A conversa sobre a evolução das ferramentas apresentou o tema: a história do trabalho humano. Realizada nos dias 9 e 13 de junho, o encontro foi assessorada por Luzia Ramos, economista e socióloga.

 

Ao longo do tempo, houve uma transição dos modos de produção. “Todos nós aqui já nascemos no capitalismo, somos ‘filhos do capitalismo’, e os referenciais de trabalho são do trabalho vendido, assalariado. Mas houve um tempo em que não era necessariamente assim, que não havia essa exploração”, provoca Luzia. Essa mudança se dá com as forças produtivas e relações de produção de cada momento.

100_4702Rodas de conversa seguiram na “caminhada da história”, com o apoio da cartilha “O Trabalho Humano: das sociedades comunicais ao modo de produção feudal” (que pode ser vista aqui: http://cefuria.redelivre.org.br/files/2012/08/cartilha2.pdf). Conceitos de trabalho humano e modos de produção; sociedades comuniais; modo de produção tributário; sociedades escravagistas e feudalismo foram discutidos e depois apresentados em grupo.

Trabalho humano, segundo Karl Marx, “é a atividade consciente e planejada na qual o ser humano, ao mesmo tempo em que extrai da natureza bens capazes de satisfazer suas necessidades materiais; cria as bases de sua realidade sociocultural. Quer dizer que enquanto o ser humano trabalha para atender suas necessidades, ao mesmo tempo ele vai construindo a si mesmo, vai ficando mais humano e vai construindo a sociedade onde vive”, explica Luzia.

100_4696

 

 

Durante esta etapa, foram sugeridas algumas leituras e filmes sobre o tema. Confira a lista:

Filmes:

A Sapotiaba e a sociedade do sambaqui

A guerra do Fogo

O Homem pré-histórico

Brasil: um país para todos

Desmundo

Livros:

A pré-história: uma abordagem ecológica

Invenções da Idade Média: ótimos, livros, bancos, botões e outras invenções geniais

Os avanços tecnológicos e o futuro da humanidade: querendo ser Deus?

 

>> Confira o cronograma completo:

1ª Etapa: Uma pedagogia humanizadora: a pedagogia de Paulo Freire
Horário: 08h30 às 17h
Turma 1 – 14/04 (terça-feira) – Casa do Trabalhador
Turma 2 – 18/04 (sábado) – SINDIPETRO

2ª Etapa: Comunicação Popular e a democratização da mídia
Horário: 08h30 às 17h
Turma 1 – 12/05 (terça-feira) – Casa do Trabalhador
Turma 2 – 16/05 (sábado) – SINDIPETRO

3ª Etapa: A centralidade do trabalho no processo de humanização
Horário: 08h30 às 17h
Turma 1 – 09/06 (terça-feira) – Casa do Trabalhador
Turma 2 – 13/06 (Sábado) – SINDIPETRO

4ª Etapa: O trabalho no capitalismo: alienação e desumanização
Horário: 08h30 às 17h
Turma 1 – 14/07 (terça-feira) – Casa do Trabalhador
Turma 2 – 18/07 (sábado) – SINDIPETRO

5ª Etapa: Consumo solidário e economia popular: uma relação necessária
Horário: 08h30 às 17h
Turma 1 – 11/08 (terça-feira) – Casa do Trabalhador
Turma 2 – 15/08 (sábado) – SINDIPETRO

6ª Etapa: Que mundo estamos construindo? Economia Popular Solidária
Horário: 08h30 às 17h
Turma 1 – 08/09 (terça-feira) – Casa do Trabalhador
Turma 2 – 12/09 (sábado) – SINDIPETRO

7ª Etapa: Relações de gênero e economia solidária
Horário: 08h30 às 17h
Turma 1/2015 – 13/10 (terça-feira) – Casa do Trabalhador
Turma 2/2015 – 17/10 (sábado) – SINDIPETRO

8ª Etapa: Organização popular e movimentos sociais
Horário: 08h30 às 17h
Turma 1 – 10/11 (terça-feira) – Casa do Trabalhador
Turma 2 – 14/11 (sábado) – SINDIPETRO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 + 6 =